Home

Câmara de Jahu faz coleta de sangue no plenário para ajudar Amaral Carvalho


A Câmara de Jahu realiza campanha de coleta sangue para o Hemonúcleo Regional de Jahu, da Fundação Amaral Carvalho. A coleta será feita no plenário da Câmara, no próximo dia 28 de março, a partir das 8h. A iniciativa foi do Presidente da Câmara, Roberto Carlos Vanucci, que entende que doar sangue “é um ato de amor”. Em entrevista coletiva, nesta quinta-feira (21 de março), ele ressaltou que cada bolsa de sangue pode salvar 3 pessoas. Vanucci informou ainda que o grupo Remédicos do Riso estará presente para divertir os doadores mais “receosos”. No dia 28 de março, a partir das 8h, enfermeiros e técnicos do Hemonúcleo Regional de Jahu, da Fundação Amaral Carvalho, farão a coleta no plenário da Câmara. Serão disponibilizados 6 leitos para atender à população. Os doadores passarão por uma triagem e, só então, o sangue será coletado. O Hemonúcleo fará exames de hepatite b e c e HIV em todos os que se dispuserem a fazer a doar sangue.

 

A situação do hemonúcleo regional

Câmara de refrigeraçãoA imagem é desoladora ao entrar na sala de coleta de sangue do Hemonúcleo da Fundação Amaral Carvalho. Ninguém doando sangue. A câmara de refrigeração, onde as bolsas de sangue ficam armazenadas, também estão praticamente vazias. De acordo com o Coordenador Técnico do Hemonúcleo, Francisco Martins da Costa Filho, o que tem nas geladeiras não dá para atender pacientes nem do Amaral Carvalho. Além da utilização interna, que consome 50% do estoque, o Amaral Carvalho atende a Santa Casa de Jaú e mais 11 hospitais de 9 cidades da região. É comum a unidade móvel da Fundação ter de se deslocar para outros municípios para coletar sangue. “O Hemonúcleo precisa de doação urgentemente”, apela o coordenador. A necessidade de plaquetas, uma fração do sangue utilizada em pacientes transplantados, também é grande. Martins disse que é difícil os internados, que vêm de outras cidades, terem amigos ou parentes que possam fazer a doação. A média ideal no estoque seria de 400 bolsas. Hoje não tem mais do que cem bolsas nas geladeiras.

 

Grupo Remédicos do Riso

Câmara de refrigeraçãoO grupo REMÉDICOS DO RISO tem como missão levar alegria e diversão dentro do contexto hospitalar (pacientes, acompanhantes, colaboradores) no Hospital Amaral Carvalho, em Jaú. Utilizando técnicas de clown, os participantes interagem com pacientes e funcionários proporcionando um clima de descontração. Recursos como mágicas, fantoches, músicas e muito improviso fazem parte do trabalho. Todos seus integrantes são VOLUNTÁRIOS. O grupo conta com profissionais de diversas especialidades que, após treinamento, são divididos em duplas ou trios. Em suas visitas ao hospital sempre buscam um sorriso no rosto dos pacientes.